Pesquisar

Lauren Daigle carimba dois prêmios no grande Grammy Awards.

A cantora norte americana Lauren Daigle, abocanhou na noite do último domingo (10) pela 61ª edição do Grammy Awards,

Lauren Daigle carimba dois prêmios no grande Grammy Awards.

A cantora norte americana Lauren Daigle, abocanhou na noite do último domingo (10) pela 61ª edição do Grammy Awards, mais dois importantes prêmios em sua carreira em quatro anos de estrada.

Na ocasião, a artista levou para casa os prêmios de Melhor Álbum da Música Cristã Contemporânea por “Look Up Chil” e Melhor Música Cristã Contemporânea Performance/Song por “You Say”, uma honra que ela compartilha com os compositores Jason Emgram e Paul Mabury.

Lauren desbancou grandes nomes do segmento nas categorias em que concorria, entre eles; “Hallelujah Here Below” – Elevation Worship; “Living With A Fire” – Jesus Culture; “Surrounded” – Michael W. Smith; “Survivor: Live From Harding Prison” – Zach Williams na categoria álbum e Reckless Love” – Cory Asbury; “Joy” – for KING & COUNTRY; “Grace Got You” – MercyMe Feat. John Reuben; “Known” – Tauren Wells na categoria música.

Perguntada sobre como o ano passado de sucesso mudou sua carreira, a cantora respondeu que está se beliscando a cada dia.

“Acabamos de fazer MusiCares na semana passada”, diz ela. “Essa foi uma das coisas mais incríveis que eu já fiz parte. E tem todas essas pessoas diferentes tocando lá, cantando lá, então isso foi incrível. São chamadas telefônicas como essas que você está recebendo repetidamente, como, o que no mundo está acontecendo? É realmente especial”, disse.

Daigle também se abre sobre o processo de criação de seu álbum e o que ela procurou realizar com ele, explicando que ele foi feito de “tornar-se criança novamente”.

“Há tantas coisas na vida como adultos que você fica completamente sobrecarregado”, diz ela. “Há novas pressões. Você assume opiniões dos outros… nós nos tornamos rotulados. E fica muito difícil na medida em que você envelhece. E eu estava tipo, quer saber? Eu não quero viver assim. Eu quero ser despreocupada e selvagem!”, frisou.

“Se você der um pirulito a uma criança, eles pensam que vão para a Disney World”, ela continua. “É como a coisa mais emocionante, certo? Então eu estava tipo, como eu incorporo isso no meio do que eu faço? E eu acho que o desafio tem mantido isso, mantendo a alegria e o zelo vivos através de todos os obstáculos que surgem simplesmente na indústria da música”. Finalizou.

About Author

Ysa Oliver

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *