Pesquisar

Entrevistamos a jornalista e assessora Ana Lopes

Uma das boas vantagens de gerenciar um blogger, é que você passa conhecer e ter amizade com muitos que

Entrevistamos a jornalista e assessora Ana Lopes

Uma das boas vantagens de gerenciar um blogger, é que você passa conhecer e ter amizade com muitos que englobam o sistema musical, desde ouvintes que possuem o mesmo gosto à cantores, produtores e seus assessores. E uma dessas amizades que carregamos há quase 2 anos é da assessora Ana Lopes, que faz a assessoria de grandes nomes do cenário, tendo a maioria do cast da Som Livre.

Entre muitas conversas amigáveis, decidimos abordar o lado profissional e bater um papo com a jornalista, para conhecer um pouco mais de seu trabalho e sua ardente paixão pelo o que faz.

Quando você começou a trabalhar como assessora e por que se interessou pela área?
Ana Lopes: Comecei em 2008 com produção. No início foi só para ajudar uma amiga nas horas vagas. Eu trabalhava com pesquisa cientifica na Universidade de São Paulo (USP), onde fiquei até 2013, quando montei uma produtora e tive que optar.

Quantas pessoas você assessora no momento?
Direto pela minha empresa, em torno de 8 a 10, mas minha empresa não é só de assessoria de imprensa, fazemos também gerenciamento de carreira, distribuição digital e produção artística. Ainda prestamos serviços para parceiros de empresas no RJ (AL Agenciamentos e Fonte Produções). E faço também a assessoria de imprensa da Som Livre em São Paulo.

Quem você sonha em assessorar?
Eu sonho mais em ver os artistas da empresa crescerem do que assessorar alguém que já é grande.

De que forma a assessoria de imprensa pode agregar valor à imagem do cliente?
Se por um lado o digital fez você ter mais possibilidades de expor seu trabalho, por outro a concorrência é muito maior. Então o artista tem que saber como expor seu material, como gerenciar seu conteúdo, como reposicionar sua imagem no mercado, saber o público que deseja atingir e falar com quem consome seu produto.

Nós não só auxiliamos como o artista fazer, mas onde. Geramos o conteúdo e colocamos no mercado, gerenciamos as mídias sociais e reposicionamos o artista nas mídias onde ele deve estar para que sua música alcance lugares onde ele sozinho não pode.

Atualmente, não é raro sabermos de casos de empresas e celebridades que têm problemas com as mídias sociais devido à rápida divulgação de informações sigilosas, brincadeiras de mau gosto, boatos e difamação. Levando em conta este aspecto, você acha que as mídias sociais ajudam ou prejudicam o trabalho da assessoria de imprensa? Por quê?
As redes quando bem usadas só trazem benefícios. O artista tem que ter em mente que ele não vende só o seu produto, mas também sua imagem. Antes da internet era muito mais fácil manter a imagem privada, hoje isso é quase impossível, então o cuidado com o que se faz ou se fala deve ser redobrado, mas nunca deixando de ser verdadeiro, pois ninguém consegue ser um personagem o tempo todo. E as pessoas reconhecem quem é de verdade.

Jornalista, assessora de imprensa e professora universitária, como consegue conciliar essas funções?
Faço o que amo rs. Amo ensinar, ser professora é minha vocação. Mas amo a música e seu mundo. Acho que quando a gente ama o que faz parece que é mais fácil e a gente sempre arranja tempo rs.

Como jornalista e assessora, você registrou muitos fatos e acontecimentos. Teve algum episódio que marcou sua vida?
Sim, coisas boas e ruins. Mas creio que mais do que momentos, eu sou marcada por pessoas. Conheci muita gente que das quais quero levar pela vida afora. Momentos passam, pessoas que amamos mesmo distante estão sempre conosco.

Para contratar os serviços da jornalista, entre em contato através dos canais abaixo:

Emstagram: www.instagram.com/analopes9
Facebook: www.facebook.com/analopes9
Email: [email protected]

About Author

Ysa Oliver

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *